Técnico Capello é investigado por fraude tributária

Técnico da seleção inglesa terá de explicar à Justiça Italiana o motivo de ter feito depósitos em Luxemburgo

PAOLA ITALIANO, REUTERS

16 de janeiro de 2008 | 13h32

O técnico da seleção inglesa, Fabio Capello, está sendo investigado por suspeita de fraude tributária na Itália, informou uma fonte judicial nesta quarta-feira. A fonte disse que a investigação acontece há cerca de um ano e que envolve contas em nome do treinador em Luxemburgo, onde estaria depositado dinheiro recebido por contratos de publicidade. Investigadores da cidade italiano de Turim analisam documentos da época que Capello era técnico da Roma, entre 1999 e 2004, e da Juventus, entre 2004 e 2006. A federação inglesa divulgou um comunicado afirmando: "Falamos com Fabio e seus representantes sobre as reportagens dos jornais da Itália. Eles explicaram os fatos. Eles também nos deram as garantias de que os pagamentos de impostos de Fabio estão em ordem". Diversas personalidades esportivas italianas estão sendo investigadas por autoridades fiscais, incluindo o ex-campeão da Moto GP Valentino Rossi, que tinha residência declarada na Grã-Bretanha, mas passava a maior parte do tempo na Itália. Capello foi anunciado como técnico da seleção inglesa em dezembro, após ter conquistado quatro títulos nacionais pelas equipes que passou: Milan, Real Madrid, Roma e Juventus.

Tudo o que sabemos sobre:
Seleção inglesaFabio Capello

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.