Reuters
Reuters

Técnico da Alemanha tem habilitação suspensa e promete ir devagar

Comandante alemão está proibido de dirigir por seis meses

Karolos Grohmann, Reuters

27 de maio de 2014 | 12h19

BERLIM - O técnico da seleção da Alemanha, Joachim Löw, terá de ficar seis meses sem dirigir depois de ter sua habilitação suspensa por causa de uma série de infrações de trânsito. O treinador, de 54 anos, que acumulou 18 pontos em sua carta de motorista e teve suspensa a habilitação, por excesso de velocidade e por falar ao telefone enquanto dirige, aceitou a punição nesta terça-feira.

"É claro, eu admito que às vezes dirigi muito rápido", disse ele em comunicado da Federação Alemã de Futebol (DFB). "Eu sei que tenho que me controlar. Aprendi minha lição e mudarei meu comportamento ao dirigir. Tenho que arcar com as consequências, e agora vou usar o trem com mais frequência", acrescentou.

A DFB informou que já estava ciente há algum tempo que Loew teria a habilitação suspensa. O treinador não terá que dirigir muito nos próximos meses, de todo modo, já que a seleção da Alemanha se prepara para a disputa da Copa do Mundo no Brasil.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa 2014Joachim Lowseleção alemã

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.