Técnico da Austrália se diz 'orgulhoso' após derrota para Alemanha

Técnico da Austrália se diz 'orgulhoso' após derrota para Alemanha

Seleção australiana perdeu por 3 a 2 na estreia da Copa das Confederações

Estadão Conteúdo

19 de junho de 2017 | 20h06

A Austrália foi derrotada na estreia da Copa das Confederações, nesta segunda-feira, mas isso não impediu que o técnico Ange Postecoglou ficasse "orgulhoso" da equipe. A dificuldade imposta pelos seus jogadores diante da poderosa Alemanha na queda por 3 a 2 fez com que o treinador os exaltasse após o apito final em Sochi.

"Eu achei que conseguimos nos equiparar a eles em alguns momentos da partida. E a característica e resiliência que mostramos são inquestionáveis. Então, deste ponto de vida, estou orgulhoso deles. Eu queria que eles fossem bravos em campo, e tivemos algumas oportunidades para conseguir outro gol", considerou.

Postecoglou considerou que a Austrália poderia até ter saído de campo com um melhor resultado, se não fosse o excesso de "respeito" pelos alemães, principalmente na primeira etapa. Por isso, cobrou uma postura diferente na segunda partida da competição, contra Camarões, quinta-feira, em São Petersburgo.

"No primeiro tempo, a gente respeitou eles demais. Eles foram bons demais para a gente, e nós tivemos dificuldade para ter o controle do jogo. Nós deixamos tudo fácil demais para eles e até tivemos sorte por perder de só 2 a 1. Mas no segundo tempo, pressionamos mais em cima e criamos mais", avaliou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.