Técnico da Bósnia diz que vai se reunir com jogadores

O técnico Safet Susic afirmou nesta quarta-feira que sua primeira tarefa no comando da seleção da Bósnia será viajar para conhecer e conversar com os jogadores que atuam fora do país. O treinador, de 54 anos, foi contratado na semana passada para substituir Miroslav Blazevic, que deixou o cargo após a derrota da Bósnia para Portugal na repescagem das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2010.

AE, Agencia Estado

06 de janeiro de 2010 | 14h52

Susic revelou nesta quarta-feira que a Alemanha será a sua primeira parada, onde vai se encontrar com quatro jogadores, entre eles Edin Dzeko, do Wolfsburg. Além disso, ele vai visitar equipes bósnias com a esperança de encontrar novos talentos.

Ex-jogador, Susic era um meio-campista talentoso e defendeu a seleção da ex-Iugoslávia em 54 partidas. Ele também teve uma passagem de sucesso pelo Paris Saint-Germain. Após abandonar a carreira profissional, ele se tornou técnico e dirigiu clubes na França e na Turquia.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBósniaSafet Susic

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.