Miguel Riopa/AFP
Miguel Riopa/AFP

Técnico da Espanha defende Diego Costa após passar em branco

'Ele se movimentou bem, manteve os defensores ocupados', avalia

Iain Rogers, REUTERS

06 de setembro de 2015 | 10h42

O técnico da Espanha, Vicente del Bosque, defendeu Diego Costa mesmo depois de o jogador ter passado em branco novamente na vitória contra a Eslováquia, no sábado, pelas Eliminatórias para a Europa de 2016.

A Espanha assumiu a liderança do Grupo C graças à vitória por 2 a 0, mas Diego Costa mais uma vez falhou em marcar e fez apenas um gol em oito jogos desde que optou no ano passado por jogar pela seleção espanhola em vez do Brasil.

O jogador de 26 anos garantiu um pênalti, batido por Andreas Iniesta, após cabeçada mais cedo de Jordi Alba, mas não conseguiu criar dificuldades para a defesa eslovaca e acabou dando lugar a Paco Alcacer a 15 minutos do fim.

"Claro que gostaria que ele marcasse, mas ele fez um bom trabalho", disse Del Bosque em entrevista à imprensa. "Contra uma equipe jogando tão na defensiva o jogador que mais tem dificuldade é o que está na posição dele", completou. "Ele se movimentou bem, manteve os defensores ocupados. Temos que ter paciência."

Com sete de 10 jogos já disputados, Espanha e Eslováquia somam 18 pontos cada, com os espanhóis, que perderam por 2 a 1 em Zilina em outubro, à frente por melhor desempenho no confronto direto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.