Técnico da Inter critica Scolari

Ronaldinho passou os 90 minutos da partida de hoje em que a Inter venceu o Torino por 1 a 0, sentado no banco de reservas. O técnico argentino Héctor Cúper achou melhor não correr o risco de colocar o "Fenômeno" em campo por causa do estado do gramado - choveu durante toda a partida disputado em Turim. Após o jogo, Cúper criticou a decisão de Luiz Felipe Scolari de chamar Ronaldinho para o jogo do dia 7 contra o Chile, em Curitiba, pelas Eliminatórias. "É claro que não fiquei contente com a convocação de Ronaldo, porque ele está fazendo um meticuloso trabalho para recuperar sua melhor condição e não seria bom interromper essa programa", afirmou. "O que eu espero é que, quando estiver com a Seleção Brasileira, Ronaldo possa fazer o trabalho que faria se estivesse aqui." A Inter enviará um integrante de sua comissão técnica a Curitiba junto com Ronaldinho, para tentar mostrar a Scolari e seus assessores qual o tipo de treinamento que o "Fenômeno" está fazendo em Milão. Com a vitória de hoje em Turim, a Inter chegou aos 10 pontos em quatro rodadas e alcançou a Juventus na primeira posição. O jogo foi de baixo nível técnico e teve poucos lances de gol. Cúper deixou Adriano no banco ao lado de Ronaldinho e escalou o ataque com Kallon e Ventola. E o gol saiu de uma combinação entre os dois, aos 28 minutos do segundo tempo. Kallon cruzou da direita e Ventola foi deslocado quando tentava cabecear. Pênalti, que Kallon converteu. Foi seu quarto gol na competição. Batistuta é convocado - A Roma sofreu, mas conseguiu sua primeira vitória na temporada. No Estádio Olímpico, ganhou de virada da Fiorentina por 2 a 1. O gol da vitória foi marcado pelo estreante lateral Panucci, aos 42 minutos do segundo tempo. "Conseguimos o nosso objetivo, que era vencer, mas o empate seria o resultado mais justo. Os dois times criaram muitas chances e a Fiorentina fez uma ótima partida", disse o técnico Fabio Capello. O atacante argentino Batistuta completou sua sétima partida sem marcar, mas recebeu uma boa notícia: foi convocado pelo técnico Marcelo Bielsa para defender a Argentina no jogo do dia 7 contra o Paraguai, em Assunção. No clássico da rodada, o Milan bateu a Lazio por 2 a 0 no Estádio San Siro, mantendo a equipe romana sem vitória na competição - foram três empates e uma derrota. Filippo Inzaghi abriu o placar com um gol de cabeça no primeiro tempo. No segundo, o zagueiro dinamarquês Laursen completou o marcador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.