Técnico da Polônia cancela jogo-treino e causa confusão

A decisão do técnico da seleção da Polônia, Pawel Janas, de cancelar um jogo-treino marcado para esta terça-feira contra uma equipe regional da Alemanha gerou protestos entre torcedores e dirigentes da televisão polonesa, que tinha previsto transmitir o treinamento ao vivo. "Estamos diante de um enorme problema", afirmou um representante da televisão polonesa à agência de notícias DPA, em Salzgitter, onde a delegação está concentrada. "Havíamos vendido os espaços publicitários, já que tudo estava acertado e programado". Ao invés de realizar o jogo mencionado, Janas decidiu realizar um treinamento a portas fechadas. Em comunicado divulgado pela Federação Polonesa de Futebol, fica proibida a todos os meios de comunicação a aproximação ao estádio August-Wenzel, onde o treino será realizado. O presidente da federação, Michal Listkiewicz, disse que tentou convencer o treinador a mudar de idéia, mas não conseguiu. "Temos de pedir desculpas aos espectadores, a quem devolveremos o dinheiro", afirmou o dirigente, que explicou que cinco mil pessoas haviam comprado ingressos para o jogo-treino.Estima-se que as perdas econômicas com o cancelamento do jogo poderá chegar a 1 milhão de euros. A Polônia está no grupo A e enfrentará o Equador (dia 9), a Alemanha (dia 14) e a Costa Rica (dia 20).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.