Benjamin Cremel/AFP
Benjamin Cremel/AFP

Técnico da Polônia prevê jogo difícil domingo, mas 'crê fortemente' na vitória

Equipe de Adam Nawalka enfrenta a Colômbia, que também perdeu na estreia

Estadão Conteúdo

23 Junho 2018 | 15h02

Derrotada na primeira rodada da Copa do Mundo diante de Senegal, a Polônia precisa vencer a Colômbia neste domingo, em Kazan, para se manter viva na luta por uma vaga nas oitavas de final. O técnico Adam Nawalka considerou que o duelo será bastante complicado, mas disse ter plena confiança em um triunfo de seus comandados.

+ Pekerman diz que James Rodriguez será titular da Colômbia contra a Polônia

+ Para tirar pressão, Presidente da Federação compara Lewandowski a Messi e CR7

+ Zagueiro pede Polônia com outra atitude contra a Colômbia

"Nós estamos esperando uma partida muito difícil, muito intensa. Mas, deixem-me dizer, eu acredito fortemente que sairemos vitoriosos da partida de amanhã", projetou. "Ficamos muito bravos depois da partida de Senegal, então, amanhã queremos jogar em um nível diferente."

Apesar da chateação com a queda por 2 a 1 para a Polônia, Nawalka considerou que o clima no vestiário de sua seleção melhorou nos últimos dias. "Uma mudança muito boa aconteceu com a nossa equipe, uma energia extra foi adicionada. Temos muita vontade e estamos suficientemente preparados para jogar um futebol muito bom amanhã."

Resta saber a escalação que vai a campo contra a Colômbia. Nawalka exaltou a recuperação do zagueiro Kamil Glik, que chegou a ser dado como descartado da Copa após grave lesão no ombro mas tem evoluído rapidamente. O treinador, porém, se negou a revelar se o jogador será titular no domingo.

"Eu estou muito feliz que o Glik está fortemente determinado a voltar a campo, é um raro exemplo de jogador que está extremamente motivado a jogar após uma lesão tão grave. Queremos que ele volte ao time, mas também queremos que ele tenha tempo para sua recuperação. Se o momento será agora, vou decidir depois", apontou.

No duelo de desesperados, uma vez que a Colômbia também foi derrotada na estreia, quem vencer segue na luta pela vaga. Na última rodada, a Polônia vai encarar o Japão, quinta-feira que vem, em Volgogrado.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.