Gabriela Bilo/Estadão
Gabriela Bilo/Estadão

Técnico da Ponte Preta vibra com vaga na final: 'Chegou o nosso momento'

Time de Campinas vai enfrentar vencedor do confronto entre Corinthians e São Paulo

Ciro Campos, O Estado de S.Paulo

22 de abril de 2017 | 21h30

O técnico Gilson Kleina está perto de conseguir a façanha de dar à Ponte Preta o primeiro título estadual da história do centenário clube na elite do futebol paulista. O treinador classificou a equipe à decisão neste sábado, ao eliminar o Palmeiras, no Allianz Parque, e desabafou ao fim do jogo ao dizer que chegou a hora de o time conquistar a taça da competição após ter sido vice seis vezes, a última delas em 2008.

A Ponte Preta vai pegar na final o vencedor do confronto entre Corinthians e São Paulo depois de ter superado nas quartas de final, nos pênaltis, o Santos e o Palmeiras na semifinal, este último após suportar grande pressão. "Não foi fácil chegar. Estamos na final, com o pé no chão. Vamos precisar de um bom jogo na decisão. Vou até consultar meu cardiologista antes, está complicado", disse Kleina.

A equipe campineira ganhou por 3 a 0 no primeiro jogo com o Palmeiras e perdeu por 1 a 0 neste sábado, no Allianz Parque. "A Ponte está crescendo na reta final. Mas vai 'respirar' decisão. Fomos competentes. O que nos classificou foi ter vencido bem o primeiro jogo. Agora vamos criar nosso momento de otimismo porque chegou a hora da Ponte Preta", afirmou.

O treinador teve uma atitude curiosa ao chegar ao estádio. Por ter treinado o Palmeiras entre 2013 e 2014, Kleina cumprimentou alguns antigos colegas e brincou ao dizer que a última vez em que eliminou algum grande da capital no Estadual, o derrotado foi campeão da Copa Libertadores e do Mundial. Esse roteiro se passou com o Corinthians, em 2012, que perdeu para a própria Ponte Preta naquele ano.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolfutebolPonte PretaPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.