Filippo Monteforte/AFP
Filippo Monteforte/AFP

Técnico da Tunísia, Maaloul comemora atuação em despedida: 'Vitória merecida'

Tunisianos encerram participação na Copa da Rússia com vitória por 2 a 1 sobre o Panamá

Estadão Conteúdo

28 Junho 2018 | 18h10

O técnico Nabil Maaloul ficou satisfeito com a vitória por 2 a 1 sobre o Panamá, de virada, nesta quinta-feira, em Saransk, na despedia da equipe da Copa do Mundo. "O jogo de hoje foi uma merecida vitória para a Tunísia", afirmou o treinador após a partida.

+ Saiba quais são os jogos e horários das oitavas de final da Copa do Mundo

+ Pela primeira, todas as seleções da Copa marcaram ao menos 2 gols

Maaloul lamentou ter caído em um grupo difícil. Nas duas primeiras partidas do Mundial da Rússia, duas derrotas para Inglaterra (2 a 1) e Bélgica (5 a 2), o que acabou com as chances de os tunisianos avançarem às oitavas de final.

"Quando chegamos a este grupo, sabíamos muito bem que a nossa melhor esperança seria vir em terceiro lugar. É verdade que concedemos muitos gols, mas nós sofremos gols quando nos encontramos com adversários muito difíceis", avaliou o técnico.

 

A Tunísia tomou oito gols nos três jogos. E fez cinco. Encerrou sua participação na Copa com três pontos e leva na bagagem de volta para casa a segunda vitória de sua história no torneio, em cinco edições (1978, 1998, 2002, 2006 e 2018). A primeira havia sido na estreia do Mundial de 1978, contra o México, em triunfo por 3 a 1.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.