Francisco Leong/AFP
Francisco Leong/AFP

Técnico de Portugal elogia reformulação e espera uma Holanda 'de altíssimo nível'

Portugueses enfrentam os holandeses em amistoso nesta segunda-feira

Estadão Conteúdo

25 de março de 2018 | 21h06

Embora não tenha se classificado à Copa do Mundo da Rússia, a Holanda segue tendo uma equipe de "altíssimo nível" e fará um duelo difícil contra Portugal na segunda-feira, no estádio de Genebra, na Suíça. Esta, ao menos, foi a avaliação de Fernando Santos neste domingo.

+ '7 a 1 faz parte do passado, queremos escrever nova história', diz Miranda

+ 'Brasil é menos dependente de Neymar hoje', dizem jogadores da Alemanha

Para o técnico de Portugal, o tradicional adversário segue sendo complicado mesmo após a decepção nas Eliminatórias Europeias e o processo de reformulação coordenado pelo novo treinador, Ronald Koeman. Arjen Robben e Wesley Sneijder, por exemplo, anunciaram que não atuarão mais pela equipe.

"Estamos habituados a ver a Holanda nas fases finais das competições e estranhamos essa ausência, claro. Neste momento, não tem Robben e nem Sneijder. Tem um novo treinador, o Koeman, que tem suas opiniões e quer preparar o time para o futuro", avaliou Fernando Santos, reforçando que o jogo será difícil.

"É normal que as coisas não sejam iguais ao passado, que a equipe esteja em transformação", acrescentou. "Não sabemos o que esperar, mas temos a certeza que é uma equipe de altíssimo nível."

O técnico de Portugal explicou também que fará testes e mexerá em algumas peças do time que derrotou o Egito na última sexta-feira. Não revelou, contudo, quais serão. "Haverá seguramente algumas alterações. Se não forem no início, acontecerão durante o próprio jogo", completou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.