Técnico de Trinidad lamenta derrota na despedida

O técnico de Trinidad e Tobago, o holandês Leo Beenhakker, não escondeu o desapontamento após a derrota de sua seleção para o Paraguai, por 2 a 0, nesta terça-feira, em Kaiserslautern. O resultado tirou qualquer chance de os trinitários se classificarem para as oitavas-de-final."É claro que nós ficamos desapontados por perdermos o jogo e termos deixado escapar a chance de classificação para a segunda fase", disse o treinador. "Foi um jogo aberto e perdemos algumas chances de gol."Além de não se classificar, Trinidad ainda terminou a competição com apenas um ponto, nenhum gol marcado e o último lugar no Grupo B. "Aprendemos algumas coisas importantes nesta nossa primeira Copa do Mundo, o que nos dará mais confiança para disputar as próximas competições", finalizou Beenhakker.Ele, no entanto, disse que sua equipe demonstrou capacidade para estar, no futuro, entre as melhores do mundo. "Ficamos fora da Copa do Mundo ao perdemos hoje (terça). Para tudo há uma primeira vez, e posso dizer que ganhamos muita experiência", disse. "É preciso pensar que estes jogadores estarão entre os melhores do mundo, como ficou provado aqui. Necessitam apenas de muito mais confiança", analisou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.