Técnico decide deixar o comando da seleção da Armênia

A Federação Armênia de Futebol anunciou nesta segunda-feira que o técnico Vardan Minasyan pediu demissão e deixou o comando da seleção nacional. Ele dirigiu o time nas últimas Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2014, naquela que foi a mais bem-sucedida campanha da história do país em um torneio classificatório para um dos principais torneios do futebol mundial.

AE-AP, Agência Estado

21 de outubro de 2013 | 14h25

De acordo com a federação, foi oferecido a Minasyan a prorrogação do seu contrato visando a disputa das Eliminatórias para a Eurocopa de 2016, mas ele recusou a proposta e decidiu deixar o comando da Armênia. O nome do seu substituto ainda não foi definido pela entidade.

A Armênia terminou em quinto lugar no Grupo B das Eliminatórias Europeias, mas chegou a lutar pela segunda colocação na chave e por uma vaga na repescagem do torneio classificatório.

Minasysn assumiu o comando da seleção da Armênia em 2009. Desde então, a equipe ascendeu várias posições no ranking da Fifa e agora ocupa o 38º lugar.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolArmeniaVardan Minasyan

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.