John Thys/AFP
John Thys/AFP

Técnico define Robben como novo capitão da seleção holandesa

Blind diz que precisa de um líder com mais presença em campo

Estadão Conteúdo

28 de agosto de 2015 | 13h41

A seleção da Holanda tem novo capitão. Nesta sexta-feira, na sua primeira convocação no comando da equipe, Danny Blind anunciou que agora é o meia-atacante Arjen Robben quem vai ficar com a braçadeira, antes utilizada pelo atacante Robin van Persie.

Substituto de Guus Hiddink, Blind afirmou que precisa de um capitão com mais presença em campo, às vésperas de dois decisivos duelos pelo Grupo A das Eliminatórias da Eurocopa de 2016, diante da líder Islândia e da Turquia. "É uma grande honra que o treinador tenha me pedido para ser o capitão da laranja (apelido da seleção da Holanda)", disse Robben em um comunicado.

Robben foi, indiscutivelmente, a estrela da seleção holandesa que chegou às semifinais da Copa do Mundo do último ano no Brasil, mas o meia-atacante do Bayern de Munique tem sofrido com lesões durante o período de disputa das Eliminatórias da Eurocopa de 2016.

Van Persie, o maior artilheiro da história da seleção holandesa com 49 gols marcados em 98 partidas, disse que respeita a decisão de Blind e aceitou o papel de vice-capitão.

Blind, que substituiu Hiddink no mês passado em razão do decepcionante desempenho da Holanda no torneio classificatório, incluiu na lista de convocados dois novatos, os jovens defensores Jairo Riedewald, de 18 anos, e Kenny Tete, de 19 anos, ambos do Ajax. O time venceu os seus três primeiros jogos no Campeonato Holandês e sem sofrer gols.

A Holanda está em terceiro lugar no Grupo A, cinco pontos atrás da Islândia e a três da República Checa. Os dois primeiros colocados das nove chaves se classificam para o torneio em 2016, assim como o melhor terceiro. As outras seleções que ficarem na terceira posição vão disputar uma repescagem.

A Holanda vai receber a Islândia na próxima quinta-feira em Amsterdã e depois viajará para encarar a Turquia no domingo, em Konya.

Confira a lista de convocados da seleção holandesa:

Goleiros: Jasper Cillessen (Ajax), Tim Krul (Newcastle United), Jeroen Zoet (PSV Eindhoven).

Defensores: Jeffrey Bruma (PSV), Terence Kongolo (Feyenoord), Bruno Martins, Indi (Porto), Jairo Riedewald (Ajax), Kenny Tete (Ajax), Stefan de Vrij (Lazio), Gregory van der Wiel (Paris Saint-Germain).

Meio-campistas: Vurnon Anita (Newcastle United), Daley Blind (Manchester United), Davy Klaassen (Ajax), Wesley Sneijder (Galatasaray), Georginio Wijnaldum (Newcastle United).

Atacantes: Ibrahim Afellay (Stoke City), Memphis Depay (Manchester United), Klaas-Jan Huntelaar (Schalke 04), Luuk de Jong (PSV), Luciano Narsingh (PSV), Robin van Persie (Fenerbahce), Quincy Promes (Spartak Moscou), Arjen Robben (Bayern de Munique).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.