Técnico descarta usar David Beckham no Tottenham

Redknapp acredita que astro não terá condições físicas de jogar no Inglês até o fim de janeiro

AE-AP, Agência Estado

14 de janeiro de 2011 | 14h47

O técnico Harry Redknapp mostrou não acreditar que David Beckham atuará por empréstimo no Tottenham ao declarar que o meio-campista não terá condições físicas de jogar no Campeonato Inglês até o final de janeiro. O astro treinará por um mês no clube, que fracassou na tentativa de contratá-lo por empréstimo, junto ao Los Angeles Galaxy, até março.

Redknapp indicou que Beckham precisa de algumas semanas para adquirir o condicionamento físico ideal e insinuou que não seria bom tê-lo no plantel por tão pouco tempo. "São apenas dois meses e, antes que perceba, já terá passado um mês e logo só seriam algumas semanas. Assim é difícil", comentou.

Beckham treinou pela primeira vez na terça-feira e sua presença no clube provocou grande atenção na imprensa e nos torcedores. Redknapp indicou que a condição física do meio-campista de 35 anos não está no nível que é necessário para jogar o Campeonato Inglês.

"David é um fanático por trabalhos físicos, mas estar em condição para jogar o Campeonato Inglês é muito diferente de treinar por sua conta e se manter em boas condições físicas", assinalou. "Ele seria o primeiro a reconhecer que se sentiria cansado na sua primeira semana de treinamento, e precisará de algumas semanas para estar em condições de jogar".

O treinador descartou completamente que Beckham possa jogar no domingo contra o Manchester United. "Nunca pensei que estaria em condições de jogar nesta semana", indicou Redknapp, que garantiu estar encantado com o impacto que Beckham teve no grupo. "Tem sido bom tê-lo aqui. Todos o respeitam e agrada a todos. Simplesmente vem e trabalha. É um grande exemplo para qualquer jogador".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.