Técnico destaca postura do Atlético-PR após vitória

O Atlético Paranaense enfrentou o time reserva do Corinthians neste sábado e finalmente obteve sua primeira vitória em casa no Brasileirão. Para o técnico Waldemar Lemos, o triunfo por 1 a 0 conquistado na Arena da Baixada foi fruto da postura do time em campo. "A maneira que nos comportamos no jogo foi muito boa, foi a mesma do jogo passado, só que desta vez conseguimos a vitória", analisou o treinador, lembrando o empate com o Palmeiras.

AE, Agencia Estado

27 de junho de 2009 | 22h55

Precisando da vitória para deixar a zona de rebaixamento, o Atlético foi para cima no primeiro tempo. O gol acabou saindo em uma falta cobrada por Paulo Baier, e depois a equipe paranaense basicamente administrou a vantagem. Waldemar Lemos, porém, acha que seu time poderia até ter ampliado. "Nós, inclusive, poderíamos ter aproveitado melhor os contra-ataques e eu acho que hoje (sábado), se tivéssemos aproveitado, conseguiríamos um placar melhor."

Pela frente no Brasileiro, o Atlético terá agora dois jogos complicados. Primeiro encara o Grêmio fora de casa, e depois recebe o Internacional na Arena. Diante da dificuldade, a ideia do treinador atleticano é vencer mesmo sem jogar bem. "São jogos difíceis e temos que ter uma sequência boa agora. Temos certeza que todos os jogos serão difíceis, então o importante sempre é vencer, jogando mal ou não", comentou.

Waldemar Lemos ainda elogiou a atuação de Paulo Baier. "Ele tem participado de maneira efetiva. Ele se doa completamente na partida e a gente sabe da importância dele e, na medida do possível, ele vai melhorando sua parte física", disse. E o próprio meia prometeu essa melhora. "Estou crescendo na parte física e aguentaria os 90 minutos tranquilo. Estou feliz e sei que preciso estar bem para conseguir evoluir", afirmou o experiente Paulo Baier, de 34 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.