Técnico deve improvisar na Matonense

A semana mal começou e o técnico Mauro Fernandes, da Matonense, está quebrando a cabeça para montar o time que enfrenta a Portuguesa no domingo pela nona rodada do Campeonato Paulista da Série A-1. Sem poder contar o lateral Piá Carioca, suspenso pelo segundo cartão amarelo, o treinando está buscando opções no elenco para substituí-lo. Uma coisa já é certa: ele terá que improvisar um jogador.Na partida contra a Ponte Preta o treinador foi obrigado a improvisar o volante Marcelinho na posição. A tendência é que esta opção se repita. "Se precisar eu jogo. Estou aqui para ajudar o time", afirma o volante. O reserva natural para a posição é Romero, mas ele está sem ritmo de jogo. Contratado no início do ano junto ao Etti Jundiaí, ele se contundiu na pré-temporada e precisou ser operado.Romero voltou aos treinos nesta quarta-feira e só deve estar em condições de jogo para a partida contra o Botafogo, no dia 25 de março.Mauro Fernandes pode ainda testar algumas opções para esta partida. Após a vitória sobre a Ponte Preta, que tirou momentaneamente a equipe da zona de rebaixamento, ele sabe que uma nova derrota pode fazer com que todo o clima negativo volte."Mas estamos trabalhando para buscar um bom resultado. Não podemos mais perder se quisermos nos recuperar de vez no campeonato", afirma.A Matonense está na décima quarta colocação da classificação geral do Campeonato Paulista da Série A-1. O adversário, a Portuguesa, está na nona colocação com doze pontos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.