Eddie Koegh/Reuters
Eddie Koegh/Reuters

Técnico diz que Arsenal vai buscar o 'impossível' na Copa dos Campeões

Após derrota em casa por 3 a 1 time precisa vencer Bayern de Munique por três gols de diferença

Agência Estado,

19 de fevereiro de 2013 | 19h52

LONDRES - A derrota por 3 a 1 para o Bayern de Munique, em pleno Emirates Stadium, na partida de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões, torna praticamente impossível a tarefa do Arsenal de avançar de fase na competição. O técnico Arsène Wenger sabe disso, mas não desiste. Ele promete que a equipe inglesa vai buscar o resultado em Munique, no próximo dia 13 de março.

"Não vamos esconder a verdade, que vai ser muito difícil, mas vamos tentar fazer o impossível possível. Vamos tentar jogar como fizemos em casa e tentar mudar a situação. O terceiro gol que tomamos torna muito difícil a situação, mas vamos tentar", garantiu ele, depois do jogo desta quarta.

Para Wenger, o mérito do resultado desta noite foi todo do Bayern. "Eles são uma equipe de qualidade e são muito eficientes. Foram muito bem, então parabéns ao Bayern."

Na análise do treinador, a derrota para o Blackburn, sábado, que eliminou o Arsenal da Copa da Inglaterra, afetou o time. "Perder não foi a melhor preparação mental, mas nossos jogadores trabalharam muito dura e fizeram absolutamente tudo. Eu acredito que o terceiro gol foi um choque para o time", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.