Técnico diz que deixará o San Lorenzo

O técnico Manuel Pellegrini anunciou nesta terça-feira que depois das finais da Copa Mercosul, contra o Flamengo, vai deixar o comando do San Lorenzo de Almagro. O treinador chileno disse estar cansado dos problemas financeiros do clube e das promessas de pagamento não cumpridas pelos dirigentes. Na semana passada, os jogadores se recusaram a entrar em concentração para a partida de domingo contra o Huracan pelo Campeonato Argentino, em protesto contra o atraso nos salários. "Não é possível que às vésperas de uma decisão internacional a gente se veja envolvido em problemas que pareciam superados. Já decidi: eu vou sair?, disse ele ao diário esportivo Olé. Pellegrini, de 52 anos, chegou ao San Lorenzo em fevereiro deste ano e levou a equipe ao título do Torneio Apertura. As finais da Copa Mercosul estão marcadas para os dias 12 e 19 de novembro. O primeiro jogo será no Maracanã e o segundo em Buenos Aires.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.