Técnico do Arsenal é punido por reclamar de árbitro

O técnico Arsène Wenger, do Arsenal, foi punido por conduta imprópria pela Associação de Futebol da Inglaterra (FA, na sigla em inglês), depois de reclamar com o quarto árbitro por sua equipe ter sofrido o gol de empate em partida contra o Sunderland, no sábado, nos instantes finais do confronto de sábado.

AE, Agência Estado

20 de setembro de 2010 | 14h24

Wenger se irritou porque Darren Bent marcou um gol 15 segundos depois de ter passado os quatro minutos acrescidos ao segundo tempo. O treinador, que criticou duramente Martin Atkinson, pode aceitar a multa de 8 mil libras e a suspensão por um jogo imposta de acordo com o novo código disciplinar da FA.

A entidade anunciou que Wenger foi "acusado por insultar e/ou usar linguagem abusiva e ter comportamento com conduta imprópria".

Tudo o que sabemos sobre:
futebolArsenalArsene Wengerpunição

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.