Técnico do Barça pede que Fifa defina destino de Messi

Guardiola quer definição rápida para acabar com 'angústia' do jogador sobre sua ida ou não aos Jogos

EFE

24 de julho de 2008 | 18h38

O técnico do Barcelona, Josep Guardiola, pediu ao suíço Joseph Blatter, presidente da Fifa, que adote uma determinação o mais rápido possível para solucionar o problema do meia-atacante argentino Lionel Messi, que não foi liberado aos Jogos de Pequim.Veja também: Barcelona não libera Messi para os Jogos de Pequim"Messi sabe que ele é tão importante como qualquer massagista da equipe ou que outra pessoa do grupo. Por isso, acho que Blatter deveria decidir já se Lionel, que não tem culpa nenhuma, fica conosco ou vai aos Jogos", afirmou o novo técnico do Barcelona.Para Guardiola, o assunto "já está cansando". Ele quer que o problema se resolva logo para que o jogador se concentre no clube - isso caso fique.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.