Gustau Nacarino/Reuters
Gustau Nacarino/Reuters

Técnico do Barcelona comemora primeiro tempo da vitória

Time de Messi e Neymar ganhou do Espanyol por 2 a 0

REUTERS

25 de abril de 2015 | 17h44

O técnico do Barcelona, Luis Enrique, louvou o desempenho de seu time no primeiro tempo da vitória de 2 a 0 sobre o Espanyol no Campeonato Espanhol, neste sábado, que considerou o melhor da temporada.

O clube catalão se mostrou cheio de confiança, tendo vencido 24 dos 26 jogos que disputou em todas as competições, e continua a caminho de uma trinca de títulos. "O time continua a crescer e foi seu melhor primeiro tempo, considerando todos os aspectos do nosso jogo até agora", declarou Luis Enrique."Tivemos muita posse de bola no campo adversário e pressionamos bastante."

O Barcelona permaneceu no controle da partida mesmo jogando a maior parte da segunda etapa com um jogador a menos na esteira da expulsão do zagueiro Jordi Alba, que recebeu dois cartões amarelos por reclamar com o árbitro. "Venceremos as partidas se jogarmos assim. No segundo tempo não sofremos, embora tivéssemos 10 homens", comentou o treinador.

O Barça agora lidera a liga espanhola com cinco pontos de vantagem, e o segundo colocado Real Madrid, que parece estar diante de uma batalha mais difícil, encara o Celta de Vigo, no domingo.

O combinado de Luis Enrique ainda tem que disputar um jogo duro fora de casa com o terceiro colocado Atlético de Madri, mas o Real tem várias partidas complicadas pela frente, incluindo confrontos com o Sevilla e o Valencia, respectivamente na quinta e quarta colocações.

"Esse é o caso à primeira vista, mas você tem que mostrar a que veio em cada jogo", afirmou Luis Enrique. "Depende de nós, e esse é o lado positivo. Foi um jogo difícil para nós, já que era um clássico e por causa do adversário. Agora iremos continuar com a mesma atitude ao longo da etapa mais importante da campanha"."Não estou com medo de os jogadores relaxarem, já que todos sabemos que os jogos adiante serão difíceis".

O Barça também está na semifinal da Liga dos Campeões, na qual irá enfrentar o Bayern de Munique, e ainda irá encarar o Atlético de Bilbao na final da Copa do Rei.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.