Philippe Wojazer/Reuters
Philippe Wojazer/Reuters

Técnico do Barcelona se diz cansado do tema Neymar: 'Que chegue o fim do mercado'

Janela de transferência das principais ligas europeias fecha na segunda-feira

Redação, Estadão Conteúdo

30 de agosto de 2019 | 16h12

O Barcelona entra em campo neste sábado para enfrentar o Osasuna, na cidade de Pamplona, pela terceira rodada do Campeonato Espanhol, mas o técnico Ernesto Valverde não vê a hora de chegar logo a segunda-feira. É nesta data que será fechada a janela de transferências na maioria dos países da Europa e o tema Neymar, que tem dominado os noticiários com as informações de que o brasileiro quer deixar o Paris Saint-Germain para voltar ao clube catalão, será encerrado de vez.

"Tenho muita vontade que chegue esse dia final do mercado e todos descansemos, sabendo como está isto. Está sendo muito longo. Do tema Neymar, não tenho nada a dizer. É um jogador de outro time, respeitamos os rivais e vamos ver o que acontece. Quando terminar, se terminará de uma vez", disse o treinador, nesta sexta-feira, logo no começo da entrevista coletiva em Barcelona.

Valverde não quis se alongar muito nesse assunto, mas teve de falar sobre ele novamente quando foi questionado sobre o quanto estava cansado da novela sobre Neymar, dando uma nota de 0 a 10. "Uns 9,5, mais ou menos", afirmou o técnico do Barcelona.

Para a partida contra o Osasuna, Valverde não poderá contar com alguns jogadores lesionados, entre eles o craque argentino Lionel Messi, que ainda não retornou aos gramados após sofrer uma lesão na panturrilha direita na pré-temporada. "Segue seu processo de recuperação normal. É certo que com estes dias de margem, esperamos que esteja recuperado diante do Valencia", explicou o treinador, já pensando no jogo marcado para o próximo dia 14.

A janela de transferências também voltou à tona com perguntas envolvendo outros dois jogadores que podem ser usados como moeda de troca por Neymar: Dembelé e Rakitic. Valverde se negou a comentar sobre o atacante francês, alegando que o jogador está lesionado, mas acabou falando sobre o croata.

"É um grande jogador, que disputou muitos jogos aqui. Nada me faz pensar que não estará aqui (na temporada). Não jogou contra o Betis e está aqui. Tampouco jogou Busquets contra o Athletic (Bilbao). A temporada é muito grande e há espaço para todos", completou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.