Reprodução/ Libertadores
Reprodução/ Libertadores

Técnico do Boca Juniors leva 'strike' em jogo contra o Barcelona de Guayaquil

Partida válida pelo grupo do Santos pela Libertadores terminou com vitória dos equatorianos por 1 a 0

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de maio de 2021 | 16h04

Não é uma cena inédita, mas chama sempre a atenção de torcedores e espectadores de jogos de futebol. Na noite desta terça-feira, no duelo entre Barcelona de Guayaquil e Boca Juniors, pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Libertadores, o técnico da equipe argentina foi alvo de um "strike" à beira do gramado. Nada proposital. O treinador Miguel Ángel Russo tampouco se machucou.

Aos 28 minutos da etapa complementar, o Barcelona já derrotava o Boca Juniors por 1 a 0 (placar final do jogo), quando, em uma jogada pelo lado esquerdo do ataque equatoriano, houve uma dividida entre Mario Pineida, do time de Guayaquil, e Nicolás Capaldo, da equipe argentina. O lance aconteceu próximo à linha lateral, na altura do banco de reservas do Boca. Capaldo tentou impedir o avanço do adversário e, em uma dividida ombro a ombro, acabou derrubando o rival.

O problema foi que, além do adversário, o outro alvo acabou sendo o próprio treinador do Boca Juniors, Miguel Ángel. Parado na área técnica, ele foi preza fácil para o tombo de Pineida, que acabou levando o técnico argentino ao chão. Não demorou para os dois se recomporem. Pineida auxiliou o argentino a se levantar, e logo a bola pôde voltar a rolar. Em seguida, Russo já voltou a passar suas ordens e mensagens ao comandados. Assista:

Tombo fora e dentro de campo.

Com o resultado, o Boca Juniors ficou ameaçado pelo Santos. A vice-liderança do Grupo C estará em jogo na próxima terça-feira, quando santistas e xeneizes voltam a se enfrentar pela Libertadores. Dessa vez, o duelo será na Vila Belmiro, às 19h15. Será o quarto jogo entre os dois clubes neste ano. Ainda  pela temporada a passada, os rivais decidiram vaga na final da competição, e o Santos levou a melhor. Na mítica La Bombonera, nesta temporada, vitória do Boca Juniors por 2 a 0.

O Barcelona de Guayaquil está mais tranquilo na competição e pode até garantir vaga nas oitavas de final a depender dos resultados da próxima rodada, quando visita The Strongest, também na terça-feira, às 19h15. Os equatorianos têm nove pontos, já os bolivianos ainda não pontuaram. Caso o time do litoral do Equador vença, bastará um tropeço do Santos para se garantir na próxima fase antecipadamente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.