Cesar Greco/Divulgação
Cesar Greco/Divulgação

Técnico do Palmeiras teve 'premonição' de gols de Barrios

Paraguaio fez três gols na goleada de 4 a 1 sobre o Fluminense

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

17 de setembro de 2015 | 08h00

Para o técnico Marcelo Oliveira, o desempenho Palmeiras na segunda etapa da goleada sobre o Fluminense deve ser exemplo para a equipe na reta final do Campeonato Brasileiro. 

"Espero que essa reação toque a alma de cada um e que no sábado (contra o Grêmio) possamos fazer um jogo tão bom quanto esse. A reação foi maravilhosa e a gente espera que isso se torne uma tônica, no primeiro e no segundo tempo jogando mais forte", comentou o treinador após a goleada no Maracanã. 

O treinador previu que o atacante Lucas Barrios teria uma boa atuação no Maracanã. O paraguaio entrou no segundo tempo e fez três gols na goleada. Além disso, teve boa movimentação e mostrou ótimo entrosamento com Gabriel Jesus, autor do outro gol. "Ele foi excelente, entrou com tudo. Até fiz um comentário antes do jogo com meu auxiliar. 'Acho que o Barrios vai entrar hoje e vai fazer gols'. Vi ele feliz, alegre, interagindo com os jogadores. Então acho que ele mostrou porque veio e esperamos que possa repetir isso outras vezes", disse o treinador. 

Com a vitória, o Palmeiras encerrou uma série de cinco jogos sem vitória como visitante. O treinador afirma que a oscilação se deve à formação da equipe. "O time vem sendo formado durante a competição, tem a ausência de jogadores e com isso você nunca repete o time, além da necessidade extrema de resultado. Isso tudo interfere um pouco, mas não podemos ter isso como desculpa. Se não conseguirmos jogar bem, precisamos correr mais", disse Marcelo Oliveira. 

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolBrasileirãoPalmeirasBarrios

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.