Técnico do Real dá por certa ida de Nistelrooy ao Hamburgo

O técnico do Real Madrid, Manuel Pellegrini, deu por certa a saída do atacante holandês Ruud van Nistelrooy para o Hamburgo, da Alemanha. O jogador passou por exames médicos em Madri e no domingo pode se despedir da torcida do estádio Santiago Bernabéu.

EFE

23 de janeiro de 2010 | 13h04

Apesar de o Real Madrid e o Hamburgo não terem oficializado o acordo para a transferência, a custo zero, de Van Nistelrooy, Pellegrini deixou transparecer, em entrevista coletiva, que é iminente.

O técnico lamentou a atuação do atacante holandês nesta temporada, por culpa das lesões, e disse que sua saída era merecida por causa de sua trajetória e da boa relação que mantém com a direção.

"Acho que Van Nistelrooy é sempre útil. É um jogador que, infelizmente, teve um ano complicado. Tentamos que jogasse o máximo possível quando esteve bem, mas teve uma lesão muito longa", lamentou.

"Agora o ano está bastante avançado e acho que tinha todo o direito de tomar decisões que achar mais convenientes. O clube tem todo o respeito por sua trajetória, sua capacidade como jogador e como pessoa", acrescentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.