Mailson Santana/Fluminense
Mailson Santana/Fluminense

Técnico do sub-20 do Fluminense deixa CTI de hospital após acidente de carro

Veículo de Léo Percovich sofreu uma queda de 20 metros enquanto ele dirigia com a família em Santos Dumont (MG)

Estadão Conteúdo

22 de dezembro de 2017 | 15h50

Técnico da categoria sub-20 do Fluminense, Léo Percovich deixou o Centro de Tratamento Intensivo (CTI) do Hospital Albert Sabin, em Juiz de Fora (MG). Ele segue internado no local depois de grave acidente automobilístico sofrido no último sábado na região.

+ Times brasileiros vão estrear na Copa Sul-Americana dia 11 de abril

Ex-goleiro do próprio Fluminense, além de Atlético-MG e outros clubes do Brasil, o uruguaio Léo Percovich ainda não tem previsão de alta médica. Sua esposa também deixou o CTI do Hospital Albert Sabin, enquanto dois filhos do casal seguem internados no CTI pediátrico da Santa Casa de Misericórdia.

Percovich e a família se envolveram em grave acidente no sábado. O carro em que estavam sofreu uma queda de cerca de 20 metros, ao cair de uma ponte na região de Santos Dumont (MG), na Zona da Mata. No mesmo veículo, estavam Percovich, sua esposa e os três filhos. A filha mais nova do casal não resistiu aos ferimentos e morreu horas depois do ocorrido.

Ainda no sábado, o Fluminense decretou luto pela morte da criança. "O clube lamenta profundamente a perda, está dando apoio ao treinador neste momento difícil e decreta luto oficial de três dias. Um staff do clube está a caminho de Juiz de Fora", informou na ocasião.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFluminense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.