AP Photo
AP Photo

Técnico do Zenit, Mancini abre negociação para assumir a seleção italiana

Roberto Mancini, de 53 anos, tem trabalhos importantes na Internazionale e no Manchester City

Estadão Conteúdo

01 Maio 2018 | 14h10

A Federação Italiana de Futebol (FGCC, na sigla em italiano) abriu conversas com o técnico Roberto Mancini para treinar a seleção italiana, que ficou de fora da Copa do Mundo da Rússia, em um dos maiores vexames de sua história.

+ Confira o noticiário da Copa da Rússia

Presidente interino da federação, Roberto Fabbricini, disse que estava "aberto a deixar o Zenit (clube que treina atualmente) para se tornar treinador da seleção italiana", segundo afirmou disse à agência de notícias ANSA, depois de uma reunião na segunda-feira.

Fabbricini ainda disse que não "não há nada concretizado" mas que as duas partes vão se reencontrar depois que terminar o Campeonato Russo, do qual o Zenit é o quarto colocado, para "discutir os detalhes".

Roberto Mancini, de 53 anos, tem como principais trabalhos as passagens pela Internazionale, com a qual venceu o Campeonato Italiano três vezes seguidas e o Manchester City, que conduziu ao título do Campeonato Inglês na temporada de 2011/2012.

À espera da oficialização do novo treinador, a seleção italiana tem sido treinada interinamente por Luigi Di Biagio, técnico da seleção sub-21. Gian Piero Ventura foi demitido em novembro do ano passado após o vexame de não ter conseguido levar a Itália ao Mundial pela primeira vez em 60 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.