Técnico esloveno minimiza mau momento da Inglaterra

As más atuações inglesas na Copa do Mundo não empolgam o técnico esloveno Matjaz Kek para a partida desta quarta-feira, em Port Elizabeth. Para o comandante, a Inglaterra tem uma equipe muito forte e será o adversário mais difícil já encarado pela Eslovênia sob o seu comando.

AE, Agência Estado

22 de junho de 2010 | 11h01

"Não me importa a maneira como eles jogaram nestes últimos dois jogos (empates contra Argélia e Estados Unidos). Acredito que enfrentaremos o adversário mais difícil que a Eslovênia já teve sob o meu comando", afirmou o treinador, que assumiu o cargo em 2007.

Embora tenha elogiado o adversário, Kek garantiu que a Eslovênia não teme os ingleses. "Eu realmente não sei porque deveríamos ter medo de alguém. Os rapazes estão mais do que confiantes em sua capacidade. Eles provaram que podem competir com os melhores", enalteceu.

A Eslovênia lidera o Grupo C com quatro pontos, dois a mais do que Inglaterra e Estados Unidos, e precisa apenas de um empate para se classificar.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa 2010futebolEslovêniaMatjaz Kek

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.