Técnico exige prioridade máxima para Sub-23

Os nove dias que passou com a seleção sub-23 trouxeram duas certezas ao técnico Ricardo Gomes: nunca o País teve uma "safra" tão boa de craques e nenhum atleta será poupado para a disputa do Pré-Olímpico do Chile, entre os dias 7 e 25 de janeiro. O treinador enfatizou que convocará os jogadores considerados, por ele, capazes de dar o título da competição ao Brasil. "Se for preciso chamar onze jogadores de um mesmo clube, vou convocar.Conseguir as liberações é com a CBF (Confederação Brasileira de Futebol)", frisou Gomes, ao dispensar os jogadores nesta quarta-feira. "Preciso contar com a força máxima. E não vou abrir mão disso." Para exemplificar o que o treinador quis dizer, somente o Santos tem cinco atletas muito cotados para compor a lista: o zagueiro Alex, o volante Paulo Almeida, os meias Elano e Diego, além do atacante Robinho. Outro clube com um grande número de selecionáveis é o Cruzeiro, que também tem cinco: o goleiro Gomes, os zagueiros Edu Dracena e Luisão, o lateral-direito Maicon e o volante Wendel.O técnico da seleção sub-23 salientou que seu objetivo é o de ser campeão do Pré-Olímpico e assegurar automaticamente uma das duas vagas em disputa para os Jogos de Atenas. A possibilidade de obter o único título que o Brasil não tem, a medalha de ouro nas Olimpíadas, foi reforçada após o desempenho do grupo nesses nove dias, em que a seleção derrotou o Corinthians e o Santos em dois amistosos."Estou muito empolgado e alguns jogadores me surpreenderam. Foram várias as surpresas agradáveis", contou Gomes. O treinador não escondeu a satisfação com o desempenho de Maxwell, do Ajax, no lado esquerdo do campo. "Temos um excelente grupo, em todos os sentidos, e vou ter trabalho para escolher os 22 nomes para o Pré-Olímpico.Sobre as duas vitórias em partidas realizadas em São Paulo, contra o Corinthians, por 2 x 0, e o Santos, por 3 x 1, Gomes gostou da exibição da equipe. Destacou o bom desempenho e entrosamento dos atletas tanto dentro de campo quanto na concentração. Neste ponto, destaque para Robinho e o meia Carlos Alberto, do Fluminense, responsáveis pelas brincadeiras para animar o grupo.Agora, a intenção de Gomes é a de realizar a convocação entre os dias 15 e 20 de dezembro. No dia 26 de dezembro, os jogadores se apresentam e ficam treinando na Granja Comary, em Teresópolis, na região serrana, até o dia 30. E voltam a se encontrar no dia 2 de janeiro, quando embarcarão para o Chile.No total, dez equipes estarão disputando as duas vagas para os Jogos de Atenas. O Brasil está no grupo A, com sede em Concepción, e atuará na primeira fase contra a Venezuela, no dia 7 de janeiro, o Paraguai, dia 9, o Uruguai, dia 11, e o Chile, dia 15. O grupo B, com sede em La Serena, é formado por Argentina, Bolívia, Colômbia, Equador e Peru.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.