Lee Smith/Reuters
Lee Smith/Reuters

Técnico inglês, Southgate desloca o ombro e brinca: 'Melhor eu que os jogadores'

Treinador sentiu lesão nesta quarta-feira, enquanto corria no centro de treinamento da seleção inglesa

Estadão Conteúdo

20 Junho 2018 | 16h18

Uma contusão no ombro direito preocupa a seleção da Inglaterra na sequência da Copa do Mundo. Mas não é de nenhuma estrela da equipe, como Harry Kane, Dele Alli, Marcus Rashford ou Raheem Sterling. A lesão é do técnico Gareth Southgate, que deslocou o ombro direito, de acordo com a Associação de Futebol do país (FA).

+ Dele Alli sofre lesão e preocupa seleção da Inglaterra

+ Destaque na estreia da Inglaterra, Harry Kane adota cautela contra o Panamá

O treinador sentiu dores nesta quarta-feira, enquanto corria no centro de treinamento dos ingleses em Repino, aproveitando para se exercitar em momento de folga da equipe, 36 horas depois da vitória suada sobre a Tunísia por 2 a 1.

O problema no ombro pode ter ocorrido durante a comemoração do segundo gol, do artilheiro Harry Kane, nos acréscimos. Uma foto mostra Southgate pulando de alegria e dando soco no ar na celebração.

"Eu não posso comemorar nenhum gol atleticamente no futuro!", brincou Southgate, que foi tratado em um hospital próximo, com a assistência do médico da seleção, Rob Chakraverty. "O doutor deixou claro que socar o ar não é uma opção", continuou o técnico, bem-humorado.

 

Southgate lamentou e pediu desculpas para o staff, que estava de folga e teve de auxiliá-lo. "Temos uma ótima equipe de apoio e eles estavam lá muito rapidamente. Eles deveriam estar relaxando porque nós deixamos os jogadores terem um pouco de folga e eu estou fazendo com que eles trabalhem. Lamento muito ter conseguido arruinar o dia deles."

Ele voltou do hospital a tempo de se reunir com os jogadores antes do jantar. E estava com uma tipoia. "É melhor que seja eu (o contundido) do que um dos jogadores", acrescentou o comandante inglês.

O grupo volta aos treinamentos nesta quinta-feira, em preparação para o jogo contra o Panamá, domingo, às 9 horas (de Brasília), em Nizhny Novgorod, pela segunda rodada do Grupo G. A contusão que realmente preocupa é do meia Dele Alli, que teve leve distensão muscular no jogo de estreia. Não há prazo para recuperação do jogador.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.