Técnico não considera França favorita

O técnico da seleção francesa de futebol, Roger Lemerre, adotou a cautela como arma ao comentar a partida contra o Brasil, marcada para a próxima quinta-feira, pelas semifinais da Copa das Confederações. Lemerre diz não reconhecer o amplo favoritismo que vem sendo dado aos franceses e lembra que é preciso cuidado. ?O Brasil tem a melhor cultura de futebol do mundo", disse.O favoritismo francês vem sendo consolidado desde a final da Copa de 98, quando os donos da casa venceram por 3 a 0. Há menos de um mês, a França assumiu a liderança do ranking da Fifa, lugar ocupado pelo Brasil desde 94. Na Copa das Confederações, a França terminou a fase de classificação em primeiro lugar. O Brasil foi segundo em seu grupo, atrás do Japão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.