Técnico não deve mexer na Inter

O técnico Luiz Carlos Ferreira não deve mexer no time da Inter de Limeira para o jogo de domingo, em casa, contra a Ponte Preta, pelo Campeonato Paulista da Série A-1. A intenção do treinador é manter o ritmo do time, que ganhou as últimas três partidas que disputou e está cada vez mais longe do fantasma do rebaixamento. "Estou testando algumas opções mas não devo mesmo mudar nada. Os jogadores estão apresentando um grande futebol", diz.A dúvida existia porque o volante Émerson cumpriu suspensão pelo segundo cartão amarelo na última partida e está liberado para este jogo. Assim, o treinador deve colocá-lo no banco de reservas.Na expectativa de receber um grande público, a diretoria da Inter já começou a vender os ingressos. A arquibancada custará R$ 5, estudantes e aposentados R$ 3 e mulheres e crianças menores de 12 anos não pagarão nada. Estão à disposição 15 mil ingressos.O time treina nesta quinta e sexta-feira em Araraquara e retorna para Limeira no sábado à tarde. O coletivo que definirá o time será realizado na tarde de amanhã. Com 14 pontos, a Inter está em 12º lugar na classificação e precisa, segundo os cálculos da comissão técnica, de mais quatro pontos para escapar do rebaixamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.