Técnico não garante Willian José como titular no Santos

Claudinei Oliveira fez questão de explicar que o atacante foi escalado por opção tática

SANCHES FILHO, Agência Estado

23 de setembro de 2013 | 08h17

SANTOS - Nem mesmo os dois gols importantes marcados no

Ao tomar conhecimento de críticas de alguns jogadores, inclusive do capitão Edu Dracena, ao comportamento do time no segundo tempo, Claudinei não gostou e aproveitou para mandar um recado. "Jogador saindo de campo às vezes fala demais e o que não deve. Não vou polemizar porque sei que o jogador fala com a cabeça quente, mas tem que ter equilíbrio", afirmou.

O treinador santista considerou "maravilhoso" o primeiro tempo do time contra o Criciúma e atribuiu à falta de melhor condicionamento físico de Montillo e Leandrinho a queda de rendimento da equipe na etapa final. "Mas, o momento é para comemorarmos o sétimo e lugar e a vitória, sabendo que nem sempre vamos ser brilhantes como na primeira etapa", concluiu Claudinei.

Com o triunfo de domingo, o Santos chegou aos 32 pontos, na sétima colocação no Campeonato Brasileiro. O time volta a entrar em campo na próxima quarta-feira, quando vai enfrentar o Náutico, na Vila Belmiro, em partida adiada da 11ª rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.