Técnico pede sequência de vitórias para o Santos

Com a derrota para o Vasco, nesta terça-feira, o Santos ficou com 38 pontos e pode perder a sétima posição se o Atlético-PR ao menos empatar com o Vitória nesta quarta, em Curitiba. E, se Fluminense e Corinthians ganharem, o time da Vila Belmiro pode ficar a mais de 10 pontos de distância dos primeiros colocados do Campeonato Brasileiro.

AE, Agência Estado

29 de setembro de 2010 | 00h06

O técnico Marcelo Martelotte admite que a perspectiva de briga pelo título está cada vez menor. "Tirar a vantagem para os líderes é uma tarefa complicada. Ainda estamos confiantes, mas o que precisamos fazer é engatar uma série de vitórias rapidamente. Nosso tempo está ficando curto", lembrou o substituto de Dorival Júnior, que comandou a equipe pela terceira vez.

Os jogadores, no entanto, mostraram discurso mais confiante. "Temos condições de buscar e vamos tentar até o final. Temos de procurar errar o menos possível", disse o lateral-esquerdo Alex Sandro. "A derrota em nada muda nosso pensamento. Enquanto existir chance de título, estaremos buscando", avisou Alan Patrick.

O próximo compromisso do Santos no Brasileiro será no domingo, contra o Palmeiras, na Vila Belmiro.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSantosMarcelo Martelotte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.