Técnico Pimenta espera definição de diretoria da Lusa

Após cumprir o objetivo de manter a Portuguesa fora da zona de rebaixamento até a paralisação no Campeonato Brasileiro, o técnico Edson Pimenta espera uma definição sobre seu futuro. Nos próximos dias, a diretoria vai definir se efetiva o treinador ou se irá em busca de um novo nome.

AE, Agência Estado

13 de junho de 2013 | 21h33

Quando assumiu a vaga de Péricles Chamusca, o então auxiliar técnico Pimenta foi avisado de que estava garantido no cargo até a pausa para a Copa das Confederações. Desde então, conquistou o acesso e o título do Paulista da Série A2, além do bom início de Brasileirão. "Vamos sentar com o presidente (Manuel da Lupa) e ver o que é melhor para o clube", afirmou.

O técnico se mostrou visivelmente desconfortável com a situação após a vitória sobre Fluminense, por 2 a 1, nesta quarta-feira. Um dos fatores que tem incomodado Pimenta são os protestos dos torcedores nos jogos do Canindé.

Mesmo com a vitória sobre os cariocas, a torcida voltou a pegar no pé do comandante. Ele preferiu fugir das polêmicas e ressaltou ter o apoio dos dirigentes e do próprio elenco. "Tenho o grupo nas mãos e eles sabem que estamos todos no mesmo barco", afirmou. Com o resultado de quarta-feira, a Portuguesa assumiu a 12.ª colocação, com seis pontos. Um a mais que o Goiás, primeiro clube na zona de rebaixamento.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPortuguesaEdson Pimenta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.