Teixeira muda de idéia e Maracanã deve ser usado em 2014

O Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, receberá o primeiro jogo da seleção brasileira pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2010, que acontecerá na África do Sul, e também foi incluído na relação de estádios que serão utilizados no Mundial de 2014, que o Brasil pleiteia para ser sede. Os acordos para a utilização do local aconteceram durante um almoço nesta sexta entre o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, e o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral Filho. Ao final do encontro, o dirigente explicou que a motivação política demonstrada pelo governador do Rio foi a principal causa na mudança de sua postura. O presidente da CBF era totalmente contra a utilização do estádio na Copa de 2014 e, inclusive, defendia a idéia de que ele deveria ser demolido para a construção de um outro mais moderno. "Até hoje, em nenhum momento o governo havia nos procurado para dar uma demonstração efetiva de sua vontade em ter o Maracanã na Copa do Mundo", disse Ricardo Teixeira. A primeira partida da seleção de Dunga no Brasil deverá ocorrer pelas Eliminatórias em setembro ou outubro. A data ainda não está confirmada porque a tabela da competição ainda não foi divulgada pela Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol). A última vez que a seleção jogou no Maracanã foi em setembro de 2000 na goleada sobre a Bolívia por 6 a 0, pelas Eliminatórias para o Mundial de 2002. O técnico era Vanderlei Luxemburgo e o atacante Romário marcou três gols nesta partida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.