Teixeira reforça que SP e Rio não tem estádio para a Copa

O presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira, voltou a afirmar nesta quarta-feira que nenhum estádio de São Paulo e do Rio de Janeiro tem condições de sediar jogos da Copa do Mundo. Teixeira disse que a situação do Morumbi e do Maracanã são as piores.O presidente da CBF esteve nesta quarta-feira no Palácio do Planalto acompanhando a cerimônia em que jogadores e a comissão técnica do Internacional receberam a Ordem do Mérito Desportivo, pela conquista do Campeonato Mundial de Clubes, em 2006. Segundo Teixeira, a CBF ainda não recebeu as exigências completas da Federação Internacional de Futebol (Fifa) para a Copa de 2014, mas até agora Minas Gerais e Brasília estariam em condições de ter estádios reformados para o evento.Teixeira afirmou que tanto o Maracanã quanto o Morumbi teriam que ser inteiramente reformados e ampliados. No caso do estádio paulista, por se encontrar em uma área extremamente cara da cidade, qualquer desapropriação seria impossível. "Mas São Paulo certamente teria várias outras opções. É a maior cidade do País e a mais rica", afirmou. Já no Rio de Janeiro, Teixeira disse que a situação é mais complicada, mas também seria possível tentar outras opções.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.