Tendinite tira costarriquenho Martínez da Copa

O zagueiro Gilberto Martínez não vai mais defender a seleção de Costa Rica na Copa do Mundo, por causa de uma tendinite na perna esquerda. O jogador, que foi cortado e deve voltar a seu país, se contundiu durante a derrota por 4 a 2 para a Alemanha, na sexta-feira, no jogo de abertura do Mundial."Nós estudamos a situação e vimos que não há chance de ele se recuperar em menos de dez dias. Ele foi bravo e admitiu a situação", afirmou o técnico Alexandre Guimarães, ao anunciar o corte do atleta, que já vinha reclamando de dores, mas disse que estava bem antes da partida. "A dor veio depois que o jogo começou. É uma das decisões mais difíceis da minha vida", disse o jogador, que atua no Brescia, da Itália, já havia defendido a seleção na Copa de 2002 e era apontado por Guimarães como o futuro capitão da equipe.Guimarães afirma que deve modificar o esquema tático da equipe para o próximo jogo, quinta-feira, contra o Equador. "Temos de ser mais ofensivos, atacar desde o começo do jogo, porque precisamos ganhar de qualquer maneira", disse o técnico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.