Rubens Chiri/São Paulo FC
Rubens Chiri/São Paulo FC

Tensão após derrota faz São Paulo voltar a se fechar

Clima piorou no Morumbi depois que o time foi derrotado por 3 a 1 pelo Fluminense e continua ameaçado de queda

O Estado de S.Paulo

20 Outubro 2017 | 07h00

A má atuação do São Paulo diante do Fluminense, que intensificou a crise no Morumbi, fez o clube voltar a se fechar. O treino desta sexta no CT da Barra Funda não terá mais atendimento à imprensa, como estava previsto. O clima é de tensão nos bastidores.

Reservas do São Paulo fazem treino na sede do próximo adversário

As críticas partiram do próprio elenco, ainda em campo. Hernanes reclamou que o grupo não “amadurece”, que vai "apanhar até crescer". Mais tarde, o técnico Dorival Junior disse que a exibição foi “inaceitável". Nas redes, a torcida segue cobrando resultados e alguns pedem mudança no comando no time.

O São Paulo treina nesta sexta e no sábado, antes do jogo contra o Flamengo, no domingo. O treinador são-paulino terá a opção de manter a escalação que entrou em campo contra o Atlético-PR e contra o Fluminense, já que ninguém foi suspenso. 

Com 34 pontos, o time tricolor segue ameaçado de ser rebaixado pela primeira vez no Campeonato Brasileiro.  O São Paulo volta a campo pela Brasileirão no domingo, pela 30ª rodada do torneio, contra o Flamengo, no Pacaembu. 

Mais conteúdo sobre:
São Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.