Susana Vera / Reuters
Susana Vera / Reuters

'Tentei sair, mas o Real Madrid impediu no último segundo', afirma Bale

Atacante tem jogado pouco no clube espanhol; Manchester United e Tottenham teriam interesse em contratá-lo

Redação, Estadão Conteúdo

02 de setembro de 2020 | 17h53

Gareth Bale esteve poucos minutos em campo na última temporada do Real Madrid, mas não conseguiu se transferir para nenhuma outra equipe do futebol europeu. Apesar da imprensa espanhola afirmar que isso era por conta da vontade do próprio jogador, ele tem outra versão.

"Tentei ir embora no ano passado, mas eles bloquearam tudo no último segundo. Era um projeto para o qual eu estava animado, mas que não se concretizou", afirmou Bale em entrevista ao canal de televisão britânico Sky Sports, sem revelar para qual equipe iria.

"Eu quero jogar futebol. Ainda estou motivado para jogar futebol, então acho que depende do clube (Real Madrid). Eles estão no controle de tudo. Eu tenho contrato. Tudo que posso fazer e seguir em frente no que faço e esperar que algo apareça", comentou Bale sobre sua situação atual na equipe espanhola.

Mesmo tendo sido importante para o Real Madrid na conquista de quatro títulos da Liga dos Campeões entre 2014 e 2018, Bale sofreu com lesões e passou a ser considerado um reserva de luxo do time comandado por Zidane. A situação piorou depois que em um amistoso da seleção de Gales, o jogador posou com uma bandeira que dizia 'Gales. Golfe. Madrid. Nesta ordem', sobre quais seriam suas prioridades, em novembro de 2019.

A partir de então, a imprensa da Espanha noticiou que o atacante não teria interesse em se transferir. Em agosto de 2020, Bale foi flagrado jogando golfe enquanto Zidane concedia entrevista coletiva um dia antes da partida contra o Manchester City pela Liga dos Campeões, para a qual o galês não foi escalado por estar lesionado.

Bale comentou sobre o suposto interesse de clubes do Campeonato Inglês, como Manchester United e Tottenham, em contratá-lo. "Se essas opções surgirem, é algo para se olhar, com certeza", projetou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.