Terry é absolvido e poderá jogar contra Manchester United

Time argumentou que o adversário ainda tinha um longo caminho até a área e zagueiro não seria último homem

EFE

16 de setembro de 2008 | 13h53

Em meio à preparação para o jogo desta terça-feira, contra o Bordeaux, pela Liga dos Campeões, o brasileiro Luiz Felipe Scolari, técnico do Chelsea, recebeu a notícia de que poderá contar com o zagueiro John Terry na partida de domingo contra o Manchester United, pelo Campeonato Inglês.  Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão O clube protestou junto à federação inglesa de futebol por não concordar com a expulsão do jogador no duelo do último sábado, contra o Manchester City. Terry levou o cartão vermelho após fazer uma falta no atacante brasileiro Jô próximo ao círculo central. Uma comissão independente analisou o caso e decidiu absolver o zagueiro, que ficou livre da punição de três jogos e estará à disposição de Felipão para o jogo no Stamford Bridge, no domingo.  Segundo o argumento apresentado pelo Chelsea, Jô ainda tinha um longo caminho até a área e Terry não seria o último homem, já que o zagueiro Ricardo Carvalho estaria próximo do lance.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.