Tevez deve voltar ao City em duas semanas, diz Mancini

O técnico Roberto Mancini afirmou nesta quarta-feira que o atacante Carlitos Tevez deve voltar a vestir a camisa do Manchester City daqui a duas semanas. O argentino não entra em campo desde setembro do ano passado, quando se recusou a disputar uma partida da Liga dos Campeões e entrou em conflito com a comissão técnica do clube.

AE, Agência Estado

22 de fevereiro de 2012 | 21h37

O atrito, que gerou cinco meses de desentendimentos, chegou ao fim na terça-feira com um pedido formal de desculpas do atleta. Mancini aceitou o retorno do atleta após criticá-lo publicamente em seguidas ocasiões nos últimos meses.

"Provavelmente ele deve levar duas ou três semanas para alcançar sua melhor forma. Depois disso, ele estará em condições de voltar a jogar", declarou o treinador nesta quarta. Mancini disse ainda que se reunirá com Tevez nesta quinta.

O argentino está afastado do futebol desde setembro do ano passado, quando se recusou a entrar em campo em uma partida contra o Bayern de Munique, pela Liga dos Campeões, e deu início à crise com o clube. Após este episódio ele pediu diversas vezes para ser negociado e acabou indo para Buenos Aires sem permissão.

Tevez chegou a negociar com outras equipes, como Inter de Milão, Milan e Paris Saint-Germain, mas, com a falta de acerto, acabou ficando mesmo no City e voltou a treinar na última semana. Especula-se que ele tenha perdido cerca de 10 milhões de libras (R$ 27,1 milhões) em multas aplicadas pelo clube.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolManchester CityCarlitos Tevez

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.