Reuters
Reuters

Tevez diz que não quer renovar com Juventus e pode voltar ao Boca

Atacante argentino pretende deixar o futebol italiano e revela desejo de retornar ao clube de Buenos Aires onde começou a carreira

Estadão Conteúdo

31 de dezembro de 2014 | 15h33

Após descansar por alguns dias em Buenos Aires, onde passou o Natal com sua família, o atacante Carlitos Tevez já está em Turim, mas criou uma certa polêmica antes de embarcar para a Itália. Em entrevista no Aeroporto Internacional de Ezeiza, na região metropolitana da capital argentina, o jogador revelou que não pretende renovar com a Juventus e pensa em voltar ao Boca Juniors, clube que o revelou na década passada.

Felizes com o bom desempenho de Tevez com a camisa da Juventus, dirigentes da equipe de Turim querem renovar com o atacante até 2018. No entanto, o argentino declarou que vai apenas cumprir o seu contrato, que vai até junho de 2016. "Eu disse que queria cumprir o meu contrato e esta é a minha ideia. Não estou pensando em fazer uma extensão de contrato porque não é o que sinto neste momento", disse.

Com este pensamento de não renovar com a Juventus ao término do contrato, a especulação sobre uma possível volta ao Boca Juniors começou. Tevez afirmou que gosta da ideia, mas acha difícil o retorno para casa. "Falta um ano e meio (do contrato com a Juventus). É complicado sair quando se está jogando em um bom nível. É difícil (volta ao Boca), mas é bom. Tenho que ter tranquilidade e desfrutar os bons momentos na Itália. Não penso em ficar ''louco'' com a ideia de voltar", comentou.

No início deste mês, o presidente do Boca Juniors, Daniel Angelici, se reuniu com Tevez na Itália. E até o irmão do atacante, Diego, faz força para o jogador retornar à Argentina.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.