Tevez e Gustavo terão esquema especial

A diretoria do Corinthians está levando a sério a possibilidade de assegurar o título do Campeonato Brasileiro com as duas partidas ?extras? que o time tem contra Santos e São Paulo devido ao escândalo do apito. São jogos que o Corinthians perdeu na competição e que serão refeitos por determinação do STJD. Seis pontos estão em jogo, o que daria uma vantagem hoje de nove pontos para o segundo colocado, o Goiás, e de sete para o Inter, que também tem duas partidas para refazer, considerando duas vitórias do time gaúcho. Para quinta-feira contra o Santos, na Vila Belmiro, o departamento de futebol do Parque São Jorge arquitetou esquema especial para trazer Tevez e Gustavo Nery das Eliminatórias Sul-Americanas.O argentino joga nesta quarta-feira em Montevidéu, contra o Uruguai. Seu avião de volta a São Paulo parte pouco antes das 9 horas da manhã de quinta, com previsão de chegada ao meio dia. Nada pode dar errado. Um carro estará esperando o jogador no aeroporto para conduzi-lo a Santos, onde a delegação já estará concentrada. Tevez descansa no hotel até a hora do confronto. Já disse ao amigo Betão que jogará. Fará duas partidas em 24 horas.O mesmo esquema foi montado para Gustavo Nery, outro atleta importante para Antônio Lopes. O lateral sairá de Belém, onde a Seleção Brasileira enfrenta a Venezuela, na própria quarta-feira. Dorme em São Paulo e depois segue para Santos antes de Tevez. O técnico corintiano conta com ambos desde o começo da partida. No jogo apitado pelo árbitro Edílson Pereira de Carvalho, em 31 de julho, o Santos venceu por 4 a 2, com uma apresentação primorosa do meia Giovanni. Robinho ainda defendia o Peixe naquela oportunidade. E com ele em campo, o Corinthians sempre se dava mal. Foram quatro anos de derrotas seguidas.No Parque São Jorge o clima é de otimismo em relação à conquista dos três pontos. É voz corrente no clube que o Santos de hoje está mais desarranjado que o Santos de julho e que o Corinthians mostra melhor entrosamento e pegada que naquela época.O zagueiro Betão está ansioso com a possibilidade da arrancada, sobretudo ?num ano importante para o time?, quando a MSI trouxe dinheiro e alguns bons jogadores. Mas prefere a cautela, o discurso contido. ?Os dois jogos extras são importantes, contra rivais difíceis, mas não podemos apostar todas as fichas nessas duas partidas que temos de refazer. O campeonato ainda terá mais 13 jogos e precisamos ir bem em todos eles?, disse. Dois mil ingressos foram reservados à torcida corintiana, distribuídos nesta segunda em pouco mais de uma hora e meia na Vila. Aos santistas foram dados 18 mil. Não há mais entradas.

Agencia Estado,

10 de outubro de 2005 | 19h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.