Scott Heppel/AP - 30/9/2010
Scott Heppel/AP - 30/9/2010

Tevez fica fora de confronto contra Portugal por mau comportamento

Presidente da AFA, Julio Grondona, disse que comissão técnica não gostou de atitude do atleta

REX GOWAR, Reuters

09 de fevereiro de 2011 | 15h46

BUENOS AIRES - O atacante do Manchester City Carlos Tevez não foi convocado para a partida desta quarta-feira da seleção argentina contra Portugal por uma questão de comportamento, disse o presidente da Associação de Futebol Argentino (AFA), Julio Grondona.

"Acredito que a ausência de Tevez é por uma atitude que ele teve quando não jogou (contra o Brasil, em novembro) e depois jogou por seu clube. A comissão técnica não gostou desta atitude", afirmou Grondona a uma rádio local.

Grondona esclareceu que a ausência de Tevez não tem nada a ver com o respaldo que o atacante deu a Diego Maradona depois que o ex-treinador não acertou sua permanência na seleção, como especulava a mídia local.

Tevez ficou fora do amistoso da Argentina contra o Brasil, no Catar, em 17 de novembro, no primeiro jogo do técnico Sergio Batista após ser confirmado no cargo - ele havia comandado a equipe em três partidas como interino.

O City informou que Tevez tinha um problema muscular, mas no fim de semana seguinte ele jogou contra o Fulham pelo Campeonato Inglês.

Quando Batista anunciou a convocação para o amistoso com Portugal, em 25 de janeiro, disse que estava dando um descanso a vários jogadores, incluindo Tevez, para analisar outras opções. Foi uma decisão surpreendente, já que o atacante do Real Madrid Gonzalo Higuaín passou por uma cirurgia nas costas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.