Tévez: imagem e semelhança de Maradona

"O futuro Maradona". Essa é a definição que milhares de torcedores e diversos analistas esportivos aplicam ao novo astro do futebol argentino, Carlos Tévez. O adjetivo tem seus prós e seus contras. Por um lado, considera-se que o jogador, de 20 anos, tem um quê da mística que "El Pibe" teve nos anos 80 e que seu futuro é altamente promissor. Por outro, considera-se que Tévez - jogador do Boca Juniors, tal como foi Maradona - tem uma personalidade irritadiça e passional. O ego de Tévez está crescendo. Falta muito para chegar ao nível de Maradona, que fala de Deus como se fosse seu vizinho e refere-se a si próprio em terceira pessoa. Tévez até começou a sentir similitudes com "El Diez". Há poucos dias afirmou: "sempre sou comparado a ele. Eu digo que me pareço ao Diego na vontade de jogar".Motivos não faltam. Os colunistas esportivos atribuem boa parte do sucesso do Boca Juniors ao desempenho de Tévez. Segundo alguns, o time já está sofrendo de "tévez-dependência". Para o comentarista esportivo Daniel Avellaneda, o Boca "não está encontrando um rumo e aposta em um salvador quando o sistema falha". O próprio Miguel Ángel Brindisi, novo técnico do Boca, declarou que Tévez "é um craque, a alma do Boca".No ápice do sucesso, Tévez transformou-se em pivô de escândalos. Recentemente admitiu seu namoro com a modelo Natalia Fassi, uma curvilínea morena de 27 anos e 1,70 metro de altura, cujas medidas são 90-60-90. A modelo atualmente trabalha no programa de TV "Polêmica no bar", onde ostenta vestidos generosos que exibem partes abundantes de sua anatomia privilegiada. Os dois estariam vivendo um tórrido romance. Em declarações na semana passada, Natalia sustentou que Tévez é um "homem nota 10". No mês passado, Tévez e Natalia foram flagrados por um fotógrafo da revista de fofocas "Paparazzi". O jogador, irritado, socou o fotógrafo e roubou sua câmara. O fotógrafo levou o caso à Justiça. No entanto, Tévez pediu desculpas e o caso foi arquivado.Mais polêmica - O namoro está causando polêmica, já que Tévez, além do escândalo das fotos, teria abandonado Vanessa por causa de Natalia, sua namorada desde 2002. Tévez nega, e garante que terminou com ela meses atrás. Ela afirma que terminaram quando foram publicadas as fotos com a modelo. O fato é que Vanessa anunciou há duas semanas que está grávida de três meses, e que o pai é o astro do Boca. "Vi a ecografia, fiquei emocionado", disse o jogador, que deixou claro que assumirá a criança, mas que não casará com a ex-namorada.O presidente do Boca, o milionário Mauricio Macri, afirmou que é preciso "proteger" Tévez, "pois a vida de um ídolo não é fácil". Nervoso com a cobertura da mídia sobre sua tribulada vida, Tévez ameaçou ir embora do país. Ele indicou que não tem problema algum de ir jogar na Europa: "vou e jogo em qualquer lado. Vou ao time que melhor pague".Jogo - Suspenso, Tévez não jogará contra o Uruguai, mas estará a postos para ser convocado para a disputa com a seleção do Chile, na próxima quarta-feira. Ele declarou que o estilo de José Pekerman, o novo técnico da seleção argentina, que recentemente substituiu o impopular Marcelo Bielsa, será muito diferente do antecessor: "acho que terá mais pausas, mais tranqüilidade. Não será tão europeu. Bielsa tinha um estilo europeu, que talvez não agradava os torcedores".

Agencia Estado,

08 de outubro de 2004 | 16h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.