Thiago Neves nega pressão e diz estar 'tranquilo' no Flu

Em fase conturbada no Fluminense, o meia Thiago Neves garantiu clima de tranquilidade nas Laranjeiras pouco antes de embarcar para o Chile, onde o time enfrentará o Huachipato, nesta quarta-feira.

AE, Agência Estado

25 de fevereiro de 2013 | 18h48

O atleta vive uma espécie de "inferno astral" desde que se automedicou e por isso teve de ser cortado da estreia do time na Copa Libertadores, a vitória sobre o Caracas-VEN, por 1 a 0.

"Ultimamente estão me cobrando muito. Estou pegando o melhor ritmo de jogo e me sentindo bem melhor nos últimos jogos. Por isso fiquei feliz pelos poucos que me aplaudiram contra o Madureira", disse o meia, que perdeu um pênalti no último jogo, mas deu o passe de cabeça para o segundo gol do time.

O técnico Abel Braga já afirmou que, diferentemente da desastrosa derrota em casa para o Grêmio, na semana passada, Thiago Neves deve ser titular contra os chilenos. "O Fluminense está uma maravilha, vem ganhando tudo nos últimos anos, conseguindo resultados que ninguém esperava. O clima é de tranquilidade. Não é por causa de uma derrota (Grêmio) e um empate (Madureira) que vai começar a pressão", disse o meia.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFluminenseThiago Neves

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.