Thiago Ribeiro vê entrosamento como arma do Cruzeiro

Sob o comando do técnico Adílson Batista, o Cruzeiro tem grande vantagem sobre o Atlético, no principal clássico do futebol mineiro, já que em 11 jogos, obteve oito vitórias, dois empates e uma derrota. Para o atacante Thiago Ribeiro, o entrosamento da equipe é um dos fatores que explicam a larga vantagem.

AE, Agencia Estado

19 de fevereiro de 2010 | 12h10

"O Adilson é um grande treinador e conhece muito bem a nossa equipe. Jogamos juntos há muito tempo e isso ajuda bastante. Todo mundo sabe que temos uma grande vantagem sobre o rival nos últimos clássicos. Mas, particularmente, já esqueci isso, porque é passado", afirmou.

Com seis clássicos disputados pelo Cruzeiro, Thiago Ribeiro vai lutar no sábado para marcar o seu primeiro gol contra o Atlético. "Todo jogador quer fazer um gol em clássico, ainda mais um atacante. Vou pedir isso a Deus, já que ainda não conseguir marcar contra o Atlético-MG. Ajudei o time com assistências e passes", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.