Thuram diz que não voltará à seleção

O zagueiro Lilian Thuram afirmou nesta quarta-feira que não voltará à seleção francesa, da qual se retirou após a última Eurocopa, seguindo assim os passos de seu companheiro Zinedine Zidane. "Se tomei a decisão de deixar a seleção, é porque tinha refletido antes", disse o jogador do Juventus ao jornal L´Equipe. Thuram é o segundo jogador que reitera sua intenção de não voltar a seleção, apesar dos problemas que a seleção sofre para chegar à Copa de 2006. O zagueiro afirmou que não tem "a pretensão de pensar" que com sua presença no campo a seleção francesa "vencerá Irlanda e Suíça", próximos adversários nas eliminatórias. Zidane desmentiu sua volta à seleção, respondendo assim aos rumores que asseguravam que o jogador poderia estar pensando em ajudar a França a conseguir a classificação para o Mundial da Alemanha.

Agencia Estado,

20 Abril 2005 | 10h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.